GESTAÇÃO E EXERCÍCIOS FÍSICOS: QUALIDADE DE VIDA PARA A MÃE E O BEBÊ

JOSEMARY MARCIONILA FREIRE R. DE CARVALHO, JADER RODRIGUES DE CARVALHO ROCHA, JÉSSICA BRUNA BENDITO DA COSTA

Resumo


Este trabalho teve como objetivo apresentar os benefícios do exercício físico praticado por mulheres gestantes. A prática pode contribuir de forma fundamental para a melhora física e emocional da grávida. Teóricos apontam que a gestante ativa ou sedentária que na gravidez realiza exercício físico regular pode evitar doenças decorrentes deste período, minimizando os índices de obesidade e melhorando consideravelmente a qualidade de vida. Além de colaborar em todo o período da gestação, os resultados beneficiam grandes auxílios na parturidade, melhor recuperação pós-parto e bebês mais saudáveis. Através de revisão de literatura, apresentou-se neste trabalho que não há um programa de exercício especifico relacionado diretamente às grávidas, no entanto, mulheres que praticam exercício físico na gestação conseguem tolerar melhor as alterações físicas e psicológicas surgidas da gravidez, contudo, o acompanhamento e a parceria de um profissional da saúde especializado e de um educador físico qualificado são indispensáveis e relevantes para orientar as recomendações e contra indicações que devem ser restritamente obedecidas, afim de não causar efeitos contraditórios para a mãe e o feto.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista Diálogos em Saúde

ISSN: 2596-206X

Instituto de Educação Superior da Paraíba

Rodovia BR 230, Km 14, s/n, Morada Nova. Cabedelo - PB. CEP 58109-303