BENEFÍCIOS DA ATIVIDADE FÍSICA NO CONTROLE DA OBESIDADE INFANTIL

Francisco de Assis Lopes da Silva, José Airton Xavier Bezerra

Resumo


A Organização Mundial da Saúde – OMS, revela que ao menos 41 milhões de crianças menores de 5 anos são obesos ou apresentam sobrepeso, sendo que o maior aumento é proveniente de países com renda socioeconômica baixa e média. Assim, a prevalência de sobrepeso nessa faixa etária aumentou de 4,8% para 6,1% entre 1990 e 2014, fazendo assim passar de 31 milhões para 41 milhões de crianças afetadas durante esse período. Avaliar com base na literatura, os benefícios da atividade física no controle da obesidade infantil. Trata-se de uma revisão integrativa da literatura, para o levantamento de artigos na literatura. Realizou-se uma busca no período de 2003 a 2016, foram escolhidos 8 que atendiam aos critérios de inclusão e aos objetivos do estudo. Um maior número de pesquisa, no ano de 2004, sendo duas publicações, respectivamente. Em relação aos demais periódicos publicados nos anos: 2003, 2005, 2008, 2009, 2011 e 2016 ficaram com apenas uma publicação em cada ano. Todas as publicações são de origem brasileira. Os principais fatores de risco que proporcionam a obesidade infantil, que são eles: o desmame precoce do aleitamento materno, introdução de alimentos inadequados, emprego de fórmulas lácteas inadequadamente preparadas, inatividade física, redução das horas diárias de sono, menor escolaridade e refeições escolares inadequadas. Os principais benefícios da atividade física no controle da obesidade infantil são queima de calorias e evitando o excesso de peso, promove melhor qualidade de vida na infância, adolescência, adultos e na idade acima de 60 anos. O Profissional de Educação Física no exercício da sua função é qualificado no desenvolvimento de atividades físicas, nas suas diversas manifestações - exercícios físicos, curso de primeiros socorros que tenha práticas de atividades físicas, musculação, desportos, jogos, lutas, capoeira, ginásticas, danças, recreação, reabilitação, artes marciais, atividades rítmicas, expressivas e acrobáticas, relaxamento corporal, bem como exercícios compensatórios à atividade laboral e do cotidiano e outras práticas corporais. Os benefícios da atividade física no controle da obesidade infantil são inúmeros, como por exemplo: prevenção de alterações metabólicas, prevenção de doenças crônicas cardiovasculares, melhoramento na qualidade do sono, desenvolvimento intelectual, controle de estresse e bem-estar com a estética corporal. 


Texto completo:

PDF


Revista Campo do Saber

ISSN: 2447-5017

Centro Universitário Uniesp

Rodovia BR 230, Km 14, s/n, Morada Nova. Cabedelo - PB. CEP 58109-303